Reunião sobre a Relsp/MG

Na manhã de hoje, 23/4, o vice-presidente da Funed, Rodrigo Leite, a diretora do Instituto Octávio Magalhães (IOM), Marluce Assunção Oliveira, além dos servidores Kleber Batista, Marcelo Pimenta, Carmem Faria e Aline Melgaço, participaram de Reunião na Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) sobre a Rede Estadual de Laboratórios de Saúde Pública – RELSP.

Pela Secretaria, participaram o subsecretário de Vigilância e Proteção à Saúde, Dario Brock Ramalho; o subsecretário de Gestão Regional, Darlan Venâncio Thomaz Pereira; além de representantes das cinco macrorregionais que têm Laboratórios de Saúde Pública no estado: Juiz de Fora, Pouso Alegre, Uberaba, Teófilo Otoni e Montes Claros, pois Belo Horizonte já estava sendo representada pela Funed/Laboratório Central.

O principal objetivo da reunião foi avaliar a situação atual da RELSP, o modelo vigente, o que está ou não funcionando e se é possível repensar a RELSP/MG. “Hoje, a rede apresenta alguns problemas centrais que precisam ser discutidos, entre eles: infraestrutura, Recursos Humanos, gestão dos laboratórios (para verificar o que é de competência da Funed e o que é da SES) por exemplo”, afirma Rodrigo.

Uma das ações a partir da reunião foi a composição de um Grupo de Trabalho que será coordenado por Marluce, com a participação da Assessora da DIOM Aline Melgaço, um representante dos laboratórios macrorregionais, Bruno Oliveira de Teófilo Otoni, e representantes de nível central (Subsecretaria de Vigilância e Proteção à Saúde e Subsecretaria de Gestão Regional). “A expectativa é que tenhamos um cronograma de trabalho a partir da próxima semana. Penso que a reunião foi produtiva e que vai gerar boas proposições”, avalia Marluce.