Comitiva da Embaixada do Vietnã visita a Funed

No dia 13 de setembro, a Fundação Ezequiel Dias (Funed) recebeu a visita da embaixadora da República Socialista do Vietnã, Pham Thi Kim Hoa; do cônsul honorário, João Alexandre dos Rei; e de outros membros da comitiva do país. O objetivo do encontro, mediado pela Assessoria de Relações Institucionais da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), foi conhecer as instalações e os projetos institucionais da Funed, para que possam ser avaliadas possibilidades de futuras parcerias científicas e industriais.

O presidente da Funed, Eduardo Prosdocimi, fez uma apresentação institucional da Fundação e deu as boas-vindas ao grupo. “Toda iniciativa de parceria que possa gerar produtos e serviços de interesse da saúde pública, sobretudo na área biotecnológica, nos interessam. Desejamos viabilizar a cooperação internacional com o Vietnã e avaliaremos os melhores caminhos para isso”, afirmou.

Após a apresentação, os diretores Industrial (DI), Bruno Pereira; de Planejamento, Gestão e Finanças (DPGF), Guilherme Moreira;  do Instituto Octávio Magalhães (IOM), Glauco Carvalho; e de Pesquisa e Desenvolvimento (DPD), Sílvia Fialho, apresentaram pontos potenciais de suas diretorias para parcerias com o país. O encontro também foi acompanhado pela vice-presidente, Débora Costa; pela chefe de Gabinete, Talitha Veneroso, pelas assessoras-chefes Aline Macedo (Assessoria de Gestão e Integração Institucional)  e  Adriana Barbosa (Assessoria de Comunicação Social), e por Gabriela Lenti, assessora da Presidência.

A comitiva visitou alguns laboratórios do IOM, o Serpentário e a Unidade V. Após a visita, a embaixadora se disse impressionada com a estrutura da Fundação. “O sistema de produção e de pesquisa da Funed é muito interessante e moderno, compatível com os grandes centros internacionais. Ainda não conseguimos afirmar que tipo de parceria será possível, mas certamente há espaço para produtivas cooperações”, ponderou.

Para que sejam analisadas as melhores oportunidades de parceria com vistas a gerar ganhos para a população mineira e a vietnamita, a Funed encaminhará uma relação de produtos e serviços à Embaixada. Com base nesse documento, a equipe técnica do Vietnã avaliará as oportunidades de cooperação na área de pesquisa e desenvolvimento, tecnologia diagnóstica e de produtos acabados, para que as conversas sejam retomadas.

Segunda visita

Essa foi a segunda vez que a Funed recebeu representantes do país asiático. Em 2019, o embaixador do Vietnã à época, Do Ba Khoa, esteve na Fundação. Como houve mudança na liderança da embaixada, em junho de 2020, quando Pham Thi Kim Hoa assumiu, as conversas precisaram ser retomadas.

O Vietnã, país com mais de 97 milhões de habitantes, possui uma área que corresponde a 2/3 do estado de Minas Gerais. Atualmente, é considerado a segunda economia mais aberta da Ásia, e seus interesses comerciais com o Brasil vão de café a produtos farmacêuticos.

Localizado na região sudeste do continente, tem como capital a cidade de Hanói. Está sob a influência de climas tropicais e sujeito à ocorrência de fenômenos como os tufões. O relevo do país é caracterizado por terrenos montanhosos e planálticos, além das belas formações calcárias no seu litoral. Boa parte da população vive nas áreas rurais e sua economia é voltada ao setor terciário e à indústria. A maior parte da mão de obra, entretanto, está alocada na agricultura.