Ciência e Cultura em todo lugar

 

 

5 de novembro é a data da celebração conjunta

A Ciência e a Cultura estão em todos os lugares: nas casas, nas ruas, nas universidades, nas instituições de pesquisa e desenvolvimento e em cada lugar onde existam pessoas. Na Fundação Ezequiel Dias (Funed), elas podem ser percebidas em cada laboratório, na Biblioteca, em pequenos detalhes dos prédios e corredores que lembram que esta Casa é responsável por fortalecer a pesquisa e o desenvolvimento da Saúde Pública do Estado.

Lembrar a Ciência e a Cultura, conjuntamente, também é importante para destacar que uma não deve ser entendida isolada da outra. A ciência constitui uma parte importante da cultura de um país e isso inclui todas as áreas científicas, como as ciências humanas e sociais, as biológicas, as da terra, as ciências da vida e tantas outras.

A data é uma homenagem ao polímata Rui Barbosa

No Brasil, o dia da Ciência e da Cultura é comemorado em 5 de novembro. A data foi instituída em 5 de maio de 1970, por meio da Lei 5.579. O dia foi escolhido para homenagear o nascimento do fundador da Academia Brasileira de Letras (ABL), Rui Barbosa de Oliveira, em 1849, em Salvador (BA).

Homenagear este intelectual no dia da Ciência e da Cultura é simbólico, pois Rui Barbosa é conhecido por ser um polímata – pessoa cujo conhecimento não está restrito a uma única área. Advogado, jornalista, jurista, político, diplomata, ensaísta e orador, ele faleceu em Petrópolis (RJ), em 10 de março de 1923.

Deixe uma resposta

EnglishPortuguêsEspañol