Ciência em Movimento: Exposição em Poços de Caldas

 

 

Ciência em Movimento

Moradores de Poços de Caldas poderão aproveitar a exposição montada em dois lugares

O Programa Ciência em Movimento, da Fundação Ezequiel Dias (Funed), está no município de Poços de Caldas, a 466 km da capital mineira, e as exposições podem ser vistas até o dia 10 de novembro. A cidade de fontes termais e de grande ciclo turístico possui cerca de 151 mil habitantes, distribuídos em uma área de 544,4 km² de extensão. O município não é apenas famoso por conta de suas fontes de águas quentes, mas também é reconhecido por ser fonte de raras águas com poderes curativos. No início, a cidade foi ocupada por ex-garimpeiros, que passaram a se dedicar à criação de gado.

Durante esta semana, a cidade das águas recebe duas exposições do programa Ciência em Movimento: a primeira no centro da cidade, no salão sul do Espaço Cultural da Urca, localizado na praça Getúlio Vargas; a segunda será na CAIC – Escola Municipal Professor Arino Ferreira Pinto, na Avenida Dirce Pereira Rosa, no Bairro Jardim. Os visitantes de ambas as exposições terão a chance de conhecer mais sobre animais peçonhentos, abelhas, aracnídeos, sobre o Aedes aegypti e como combatê-lo.

O público poderá visitar a exposição no Espaço Cultural Urca a partir do dia 5 de novembro, das 13h às 17h e, no dia 6, a exposição funcionará das 8h às 17h, com um intervalo para almoço das 12h às 13h. Já a exposição na CAIC – Escola Municipal Professor Arino Ferreira Pinto estará aberta a partir do dia 8 de novembro, das 8h às 17h, com um intervalo das 12h às 13h. A exposição continuará no  dia 9, com o mesmo horário de funcionamento e, no dia 10, o horário será das 8h às 14h30, com um intervalo das 12h às 13h.

O Programa Ciência em Movimento foi criado em 2012 com o objetivo de difundir o conhecimento científico e tecnológico por meio de linguagem lúdica e popular. O projeto é pioneiro em Minas Gerais e o único que leva aos cidadãos mineiros informações fundamentais para o controle dos acidentes por animais peçonhentos, agravo identificado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como doença negligenciada. Dessa forma, a Funed se aproxima do cidadão e contribui para a melhoria da qualidade de vida da população.

Programação da Exposição

Primeira Exposição – Espaço Cultural da Urca

Segunda-feira, 5 de novembro

13h – 17h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

 

Terça-feira, 6 de novembro

08h – 12h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

13h – 17h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

 

Quarta-feira, 7 de novembro

Dia reservado para realocação da exposição para o segundo espaço;

Segunda Exposição – CAIC Escola Municipal Professor Arino Ferreira Pinto 

Quinta-feira, 8 de novembro

08h – 12h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

13h – 17h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

 

Sexta-feira, 9 de novembro

08h – 12h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

13h – 17h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

 

Sábado, 10 de novembro

08h – 12h – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos;

13h – 14h30 – Serpentes, aracnídeos, abelhas, dengue, leishmaniose, história da Funed, videoteca, oficina de abelhas, aranhas e serpentes e jogos.

Deixe uma resposta

EnglishPortuguêsEspañol
Acessibilidade