Encaminhamento de amostras de primata não-humano para confirmação da circulação do vírus de febre amarela

 

Descrição do serviço: Epizootia – encaminhamento de amostras de primata não-humano para confirmação da circulação do vírus de febre amarela

Valor do serviço: gratuito

Órgãos responsáveis: Funed, Secretaria Estadual de Saúde e Secretaria Municipal de Saúde.

Quem pode utilizar este serviço: responsáveis pelas Vigilâncias Epidemiológica e Ambiental dos municípios onde forem encontrados primatas não-humanos mortos ou doentes, com suspeita de infecção pelo vírus da Febre Amarela.

Os cidadãos devem reportar-se a um responsável da Secretaria Municipal de Saúde ao encontrar um primata não-humano nas situações descritas acima.

Como utilizar o serviço:

1ª etapa: ao encontrar o primata não-humano, deve-se entrar em contato com o Centro de Zoonoses do Município ou com a Secretaria Municipal de Saúde, que irá providenciar a coleta do material e encaminhamento para análise.

2ª etapa: o material coletado deve ser encaminhado à Funed.

3ª etapa: a Funed irá realizar o exame e disponibilizará o resultado por sistema de informação (GAL) para o município.

Quanto tempo leva: o resultado é liberado em até 30 dias após recebimento da amostra na Funed.

Em caso de alguma adversidade ou necessidade de realizar algum exame extra para esclarecer o diagnóstico, este prazo poderá ser alterado.

Legislação/ documentos: ficha de notificação a ser preenchida pelo profissional responsável pela coleta da amostra.

Dúvidas frequentes:

A Funed faz coleta de amostras?

Não, a coleta de amostras para os exames realizados pela Funed é realizada no próprio município.

A Funed entrega resultados de exames?

Não, o resultado dos exames é entregue pela Funed por computador via sistema de informação (GAL) para a unidade de saúde solicitante.